• search
  • Entrar — Criar Conta

O honorável Cidadão Pombalense

Colaborador de Navegos, reconhecido por sua grande divulgação das artes visuais da Bahia é agraciado com título conferido pela Câmara Municipal de Ribeira do Pombal

*Da Redação

[email protected]

Um dos nomes mais representativos e consagrados do Jornalismo Baiano, Colaborador de Navegos,Reynivaldo Brito foi recentemente agraciado com titulo honorífico atribuído pela Câmara de Vereadores de Ribeira do Pombal, em reconhecimento por sua divulgação da cultura e de personagens que contribuíram para o desenvolvimento do município.

Respeitado e querido em Salvador por sua divulgação das artes e da cultura baiana em mais de quatro décadas de atividades jornalísticas, atualmente aposentado das redações mantém um blog através do qual resgata suas lembranças ricas de humanidade. Ao mesmo tempo exercita o seu talento de artista plástico, chamando a atenção de críticos como Iaperi Araújo,que se deixou encantar com a ingenuidade de sua arte plena de sortilégios e afetividade.

Abaixo transcrevemos as palavras que pronunciou ao ser homenagedo.

Leiamo-lo:

‘’No dia 26 de maio numa sessão da Câmara dos Vereadores recebi o Título de Cidadão Honorário de Ribeira do Pombal oportunidade que pude agradecer ao vereador Roberto Alcântara de Souza, o Bebeto, pela sua iniciativa de indicar meu nome para receber honroso título. Por duas vezes seguidas não pude comparecer por problemas pessoais que me impossibilitaram de viajar até Ribeira do Pombal, mas finalmente chegou o dia e me senti muito feliz.

‘’Coube ao vereador Marcelo Brito Costa, meu primo e amigo, dizer algumas palavras relembrando as pessoas que foram objeto dos textos que escrevi, que à esta altura já somam mais de cinquenta personagens, embora o número de textos está na casa de quarenta e dois. Marcelo fez uma amostragem do que eu e o meu parceiro Hamilton Rodrigues já relembramos de pessoas e acontecimentos políticos, econômicos, sociais e culturais que protagonizaram em nossa Cidade. Lembrou que o nosso avô João Ferreira Brito, o Ioiô Ferreira, foi em 13 de abril de 1936 com a implantação do Comitê Municipal, o que hoje conhecemos por Câmara Municipal de Ribeira do Pombal foi o primeiro presidente. Em sua posse coube ao saudoso ex-Ministro   Oliveira Brito saudá-lo, e segundo a ata da sessão foi o único orador que usou da palavra e “com muita fluência. Meu avô posteriormente ocupou o caso de intendente, e sempre esteve presente enquanto viveu na política pombalense.

‘’Também, meu amigo o vereador Pedro Mel pronunciou algumas palavras sobre o trabalho jornalístico que venho desenvolvendo há várias décadas e falou dos textos que tenho escrito sobre os personagens de nossa terra.  Agradeço também a todos os vereadores que por unanimidade corroboraram com a iniciativa de Bebeto em conceder-me esta   honrosa homenagem. Título que já carregava comigo desde a infância, porque em todos os lugares onde me apresentava sempre disse que sou pombalense. Nasci na Cidade de Jacobina, e ainda bebê minha família se transferiu para Caldas de Cipó, e posteriormente para Riachão do Dantas, no Estado de Sergipe. Finalmente, meu pai retornou para Ribeira do Pombal de onde não mais saiu, até seu falecimento. Foi aqui que passei minha infância e juventude, finquei minhas raízes, tenho meus parentes, amigos mais diletos, e me tornei pombalense.

‘’Quando afirmo isto recordo de um colega de trabalho no Jornal A Tarde, onde trabalhei por mais de três décadas de nome Manoel Pinheiro Cal. Era um senhor que tinha nascido na Espanha, na região da Galícia, e quando os colegas mais jovens brincavam com ele chamando-o de “espanha” respondia: sou mais brasileiro que você. Sabe por quê? Porque eu tinha vários países para escolher depois da Segunda Grande Guerra e escolhi o Brasil como minha pátria. Portanto, sou brasileiro por escolha, por convicção, e você por um simples acaso. “

‘’Evidente que esta resposta do senhor Pinheiro Cal não se aplica aos que nasceram aqui em Ribeira Pombal e têm orgulho de ser pombalenses. Apenas contei este fato para fazer uma analogia que eu também escolhi ser pombalense. Muitos de meus primos carnais que passaram por esta Casa e outros que ainda estão por aqui talvez nem soubessem que eu era natural de Jacobina.

‘’Quero aproveitar este momento para lembrar a vocês vereadores desta Cidade que o nosso país atravessa um grave período com uma crise institucional que pode ou não se agravar. Torço para que tudo se resolva com o diálogo. Antes de escolherem um governador, senador, deputado federal ou estadual para apoiar pensem no futuro de seus filhos e netos. Passamos trinta anos sob o domínio de governos desastrados, e o nosso país quase se transforma numa grande Venezuela. É hora de repensar os apoios em defesa de nosso país, nossas famílias e de nosso patrimônio, que construímos através dos anos. Vocês não podem e não devem pensar apenas no local porque têm muita responsabilidade pelo que poderá acontecer com nosso país. Dito isto encerro das minhas breves palavras de gratidão e continuarei dizendo que sou pombalense, e agora mais orgulho e convicção, porque tenho um documento para comprovar esta minha afirmação.

‘’Na minha ida à Ribeira do Pombal tive ainda a satisfação de receber vários amigos e parentes e até mesmo algumas autoridades que foram me parabenizar pelo título de Cidadão Honorário. Entre essas pessoas estiveram o atual prefeito Erickson Silva Santos, o ex-prefeito Nilson Brito, o vereador Marcelo Brito Costa. Foram, portanto, uns dias prazerosos que vivenciei na Cidade onde cresci e passei boa parte da minha juventude, e agora pude rever e abraçar as pessoas que nos são gratas e queridas. Portanto, quero agradecer a todos que de alguma forma contribuíram para este reconhecimento e principalmente as pessoas que diretamente me prestigiaram.’’

Política de Privacidade — Garantir a confidencialidade dos dados pessoais dos usuários é de alta importância para nós, todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que utilizam nossos sistemas serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de Outubro de 1998 (Lei n.º 67/98). As informações pessoais recolhidas podem incluir nome, e-mail, telefone, endereço, data de nascimento e/ou outros. O uso de nossos sistemas pressupõe a aceitação deste Acordo de Privacidade. Reservamos o direito de alterar este acordo sem aviso prévio, por isso recomendamos que você verifique nossa política de privacidade regularmente para manter-se atualizado(a). Anúncios — Assim como outros sites, coletamos e utilizamos informações contidas em anúncios, como seu endereço de IP (Internet Protocol), seu ISP (Internet Service Provider), o navegador utilizado nas visitas a nossos sites (Chrome/Safari/Firefox), o tempo de visita e quais páginas foram visitadas. Sites de Clientes — Possuímos ligação direta com os sites de nossos clientes, os quais podem conter informações/ferramentas úteis para seus visitantes. Nossa política de privacidade não se aplica a sites de clientes, caso visite outro site a partir do nosso, deverá ler sua própria politica de privacidade. Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses sites. Para maiores informações, entre em contato conosco.