• search
  • Entrar — Criar Conta

Muitos amigos, muitas honrarias falsas

Fundador de Navegos publica fragmento de seu caderno de notas, enfocando sua aversão ao elogio proferido por gente desqualificada e ao mau uso que se faz da palavra Amigo

*Franklin Jorge

[email protected]

É sabido que desde moço manifestei meu horror a confrarias. Instintivamente, sempre fugi aos bandos e me reservei o privilégio de usufruir da vida a sós comigo mesmo ou na companhia de uns poucos, pouquíssimos, escolhidos. Só o que é raro desperta minha atenção e me agrada, por isso, uma de minhas professoras do curso ginasial pode dizer à minha avó materna: Seu neto só se acompanha dos melhores…

Como escritor, cônscio do que crio, percebi claramente que a obra se faz em solidão e no silencio, muito ao largo do espocar dos fogos de artifícios, das efusões e dos elogios que se esgotam no mero esforço de agradar. Afinal, Baudelaire já percebera, muito antes do jovem inquieto e fatigado que fui, muitos amigos, muitas honrarias falsas. Ora, o elogio, por pessoa desqualificada, o compromete e constitui a meu ver uma forma abominável de promiscuidade.

Aprendi assim a valorizar mais a crítica do que o elogio. Mais a dúvida do que a certeza e, sobretudo, a não superestimar o elogio proferido por quem não dispõe minimamente da virtude necessária e imprescindível para conferir-lhe algum juízo de  valor digno de respeito e consideração. Não atribuo a qualquer um a condição de mestre. Também não costumo chamar qualquer um de ‘amigo’. Para que isto aconteça, sinto que teria de considera-lo superior a mim, e não apenas igual a mim.

Aterra-me, portanto, a pouca importância que as pessoas em geral atribuem a tais vocábulos, reduzidos ou vulgarizados em expressões desprovidas de significados profundos. Como o que, passando de mão em mão, perde a consistência, desgastando-se pelo mau uso a densidade e o sentido que lhe são próprios.

FOTO Franklin Jorge aos 26 anos retratado por Ivanizio Ramos.

Política de Privacidade — Garantir a confidencialidade dos dados pessoais dos usuários é de alta importância para nós, todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que utilizam nossos sistemas serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de Outubro de 1998 (Lei n.º 67/98). As informações pessoais recolhidas podem incluir nome, e-mail, telefone, endereço, data de nascimento e/ou outros. O uso de nossos sistemas pressupõe a aceitação deste Acordo de Privacidade. Reservamos o direito de alterar este acordo sem aviso prévio, por isso recomendamos que você verifique nossa política de privacidade regularmente para manter-se atualizado(a). Anúncios — Assim como outros sites, coletamos e utilizamos informações contidas em anúncios, como seu endereço de IP (Internet Protocol), seu ISP (Internet Service Provider), o navegador utilizado nas visitas a nossos sites (Chrome/Safari/Firefox), o tempo de visita e quais páginas foram visitadas. Sites de Clientes — Possuímos ligação direta com os sites de nossos clientes, os quais podem conter informações/ferramentas úteis para seus visitantes. Nossa política de privacidade não se aplica a sites de clientes, caso visite outro site a partir do nosso, deverá ler sua própria politica de privacidade. Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses sites. Para maiores informações, entre em contato conosco.